11 Frases Para um Pai Não Dizer no Pós Parto

11 Frases Para um Pai Nao Dizer no Pos PartoDedico esse texto a todos os papais grávidos ou que acabaram de ter um bebê. Preciso contar uma coisa para vocês… Quando seu filho nascer, o senso de humor da sua esposa vai mudar. Bom, pelo menos por um tempo depois do pós parto. Os hormônios dela estarão borbulhando, a privação de sono e os medos dela relacionados à maternidade também contribuem muito para ela estar menos bem humorada do que o normal. Então enquanto as coisas não se estabilizam, sugiro seguir esse guia de sobrevivência do que não dizer para uma mulher no pós parto. Para as mães que estiverem lendo, vai soar meio óbvio, mas pai é um bicho meio sem noção, mas você o ama mesmo assim né?

Vamos lá, papais, nunca digam:

1- “Você não consegue fazer esse bebê parar de chorar não?”
Se é tão simples, por que você mesmo não vai lá e faz? Ou você acha que ela gosta de ver o bebê que ela tanto sonhou e carregou por 9 meses sofrendo?



2- “Ih, fralda de cocô. Sua vez.”
Não tem essa, meu amigo. Em 99,9% dos casos a mãe está mais sobrecarregada do que você. Vai lá e faz. Aproveita e faz a janta também.

3- “Estou muito cansado de trabalhar o dia todo e não vou ajudar com o bebê.”
Essa é quase um pedido de divórcio. Por mais podre que você esteja, faça a sua parte, afinal ela não fez o bebê sozinha e quem trabalha em casa está tão cansada ou mais do que quem trabalha fora.

4- “Deve ser bom passar o dia todo com o bebê.”
Sim, é gostoso, mas é exaustivo. A mãe se torna e se sente uma escrava do bebê, sem tempo de se alimentar, ir no banheiro ou dormir.

5- “Por que você não dá logo leite em pó?”
Talvez você ache que está dando apoio ao oferecer uma alternativa à amamentação, mas muito pelo contrário, você estará abalando a confiança dela na capacidade de amamentar. Faça algo proativo para ajudar ao invés de sugerir mamadeiras.

6- “A gente não transa mais.”
Talvez essa seja a frase mais egoísta de todas da lista. A falta de libido da mulher no pós parto é comum sob o ponto de vista hormonal. Ela está muito mais preocupada em alimentar o bebê de vocês e fazer tudo para deixá-lo confortável. Sem dormir, sem comer, sem tempo para nada, cheia de preocupações na cabeça e você quer que ela pense em sexo? Mesmo? Pode ter certeza que ela vai voltar a procurar você.

7 – “Mas o que você fica fazendo o dia todo?”
Passe um dia sozinho com o bebê. Depois multiplique isso por todos os dias desde que o bebê nasceu. É isso que ela faz. Quer que eu desenhe?

8- “A minha mãe acha que (…)”
Na boa, dane-se o que sua mãe acha. Mulher nenhuma quer palpite, muito menos da sogra. Ela já teve a chance dela de ser mãe ao criar você, agora é a sua vez, junto com sua esposa, de serem pais, ok?

9- “Quando você vai perder essa barriga de grávida?”
Se o item 6 é o mais egoísta da lista, essa pergunta aqui é mais babaca. Desculpem o termo, mas é. A barriga da mãe vai aos poucos voltando ao normal à medida que o útero se retrai. Os hormônios dela vão dar conta disso. Isso não vai acontecer da noite para o dia. Pode ter certeza que ela está mais preocupada com isso do que você. Mas em vez de se preocupar com estética, que tal focar no bem estar psicológico da sua parceira? Ou no bom desenvolvimento do bebê?

10- “Acho que o bebê está com fome.”
Uma das maiores preocupações das mães é saber que seu filho está bem alimentado. Acredite, ela saberá quando o bebê estiver com fome. O bebê chora por diversos motivos – fome, sono, gases, cólicas, frio, calor, fralda suja, ou até mesmo por se sentir estranho de não estar mais no ambiente acolhedor do útero. Claro que, no início, é difícil saber o motivo do choro do bebê. Se ela perguntar se você acha que ele está com fome, diga a verdade, mas não fale isso da sua cabeça.

11 – “Seu leite não está dando conta / Seu leite é fraco.”
Não existe leite fraco, isso é lenda. O leite materno é digerido mais rápido pelo bebê e é muito mais benéfico do que o leite artificial. Se você e sua parceira acham que o leite não está sendo suficiente, procurem uma profissional de lactação ou pesquisem produtos naturais para aumentar a produção de leite materno. Mas sempre a estimule a amamentar, sem pressionar. E nunca fale coisas que possam abalar a confiança dela na amamentação.

O segredo de tudo é ser empático. Não tente ser engraçadinho, nem faça piadas idiotas. Ao invés de falar as besteiras acima, experimente dizer que ela está sendo uma excelente mãe e que você tem orgulho dela. Diga que o bebê de vocês tem sorte de ter uma mãe cuidadosa como ela. Seja sincero e PENSE antes de falar, não custa nada. Quer mais dicas? Leia meu texto: “7 Coisas Que Um Pai Deve Saber Sobre o Pós Parto”.

Fonte: Belly Belly

2 Comments:

  1. Adorei! Posso acrescentar uma? Tivemos um menino. Após uma semana meu marido vira e fala “aí amor, acho que já quero uma menininha…”. Naquela altura do pos parto eu tinha jurado que não ter filho nunca mais, respondi pra ele “ah, você quer, é? Pode então ir procurar por aí pq daqui não vai sair mais nada!”. Agora, 5 meses depois, eu também já começo a pensar na nossa menininha…

Dê a sua opinião: