60 Passos Para Criar uma Criança Feliz (Dicas de Uma Psicóloga)

Muitos pais se perguntam: “Como posso criar uma criança feliz?” Já não é novidade para ninguém que tudo o que os pais dizem ou fazem influencia o desenvolvimento da criança, independentemente do que ela escolhe fazer da sua vida.

E mesmo que os pais não tenham acesso às melhores informações ou técnicas, a maioria deles quer criar filhos equilibrados e auto-confiantes. Para criar alguém capaz de amar e de ser amado, capaz de aproveitar a vida e de trazer alegria aos que estão por perto e de apreciar todos os presentes da vida, precisamos investir enquanto eles são jovens.



A psicóloga russa Elena Makarenko elaborou uma lista de 60 passos que os pais podem tomar para criar filhos felizes.

Sempre diga:

  1. Eu te amo.
  2. Eu te amo, não importa o que aconteça.
  3. Eu te amo mesmo quando você está com raiva de mim.
  4. Eu te amo mesmo quando estou com raiva de você.
  5. Eu te amo até quando você está longe de mim. Meu amor está sempre com você.
  6. Se eu tivesse tido a chance de escolher qualquer criança no mundo para ser minha, eu ainda teria escolhido você.
  7. Eu te amo mais do que qualquer coisa no mundo.
  8. Obrigado.
  9. Adorei brincar com você hoje.
  10. Minha lembrança favorita deste dia, de todas as coisas que fizemos juntos, é _____.

Conte a ele(a):

  1. A história de seu nascimento ou adoção.
  2. Sobre como você costumava acariciá-lo(a) quando era bebê.
  3. Sobre como você escolheu seu nome.
  4. Como você era quando você tinha a idade dele(a).
  5. Sobre como os avós dele(a) se conheceram.
  6. Sobre suas cores favoritas.
  7. Sobre como, às vezes, é difícil para você também.
  8. Que quando você segurar sua mão e apertar três vezes, isso significa “Eu te amo”.
  9. Sobre seus planos de curto prazo.
  10. Sobre o que você faz no trabalho.

Ouça:

  1. O que ele(a) tem a dizer durante um passeio de carro.
  2. O que ele(a) diz sobre seus brinquedos. Reflita sobre como essas coisas são importantes para ele(a).
  3. As perguntas que ele(a) faz e aos seus genuínos pedidos de ajuda.
  4. Um minuto além do que você tem paciência para ouvir.
  5. Sentimentos, emoções que se escondem por trás das palavras dele(a).

Pergunte a ele(a):

  1. Por que você acha que isso aconteceu?
  2. O que você acha que vai acontecer se ____ ?
  3. Como podemos aprender mais sobre isso?
  4. No que você está pensando?
  5. Qual é a sua lembrança mais agradável do dia de hoje?
  6. Qual é o gosto disso que você está comendo?

Mostre a ele(a):

  1. Como fazer algo, em vez de proibir.
  2. Como assobiar com uma folha ou com grama.
  3. Como embaralhar cartas, ou como fazer um leque com elas, ou como usá-las para construir um castelo.
  4. Como cortar alimentos.
  5. Como dobrar suas roupas e seus lençóis.
  6. Como procurar informações quando ele(a) não sabe a resposta para uma pergunta.
  7. Como mostrar o apego às outras pessoas.
  8. Que é importante cuidar de si mesmo.

Arrume tempo:

  1. Para olhar os detalhes em um canteiro de obras.
  2. Para apreciar o canto dos pássaros.
  3. Para permitir que seu filho(a) te ajude a preparar uma refeição.
  4. Para fazer caminhadas com ele(a).
  5. Para brincar na lama com ele(a).
  6. Para fazer as coisas no ritmo do seu filho(a).
  7. ​​Para simplesmente sentar com seu filho(a) enquanto ele(a) está brincando.

Faça-o(a) feliz:

  1. Faça uma surpresa.
  2. Faça a comida preferia dele(a).
  3. Prepare o seu lanche como um rosto sorridente.
  4. Brinque com ele(a) no chão.

Abra mão de:

  1. Culpa.
  2. Pensamentos sobre como seu filho(a) deveria ser.
  3. Sua necessidade de sempre estar certa.

Entregue-se:

  1. Olhe para seu filho(a) com carinho em seus olhos.
  2. Sorria quando você vê seu filho(a).
  3. Quando seu filho(a) te abraça ou beija, abrace ou beije de volta.
  4. Antes de lhe dizer alguma coisa, estabeleça contato visual.
  5. Permita que ele(a) gerencie sua raiva ou tristeza antes de ajudá-lo(a).
  6. Tome um banho relaxante à noite.
  7. Escolha a maneira correta de ser melhor com seu filho(a).

 

Traduzido e adaptado de The Modern Parenting Center – 60 Steps to Raising a Happy Child (Advice From a Psychologist), por Teodora Bahna.

 

1 comentário

  1. fabiana comentou

    oi adorei as dicas digo sempre para minha filha tem quinze anos,acho que acima de tudo sempre o amor.

Deixe seu comentário!