7 Fotos de Seus Filhos Que Você Não Deve Publicar

7 Fotos de Seus Filhos Que Voce Nao Deve PublicarHoje em dia é muito natural colocarmos várias fotos de nossos filhos nas redes sociais. Mas muitas delas podem colocar em risco a segurança dos pequenos e outras podem acabar levando-os a sofrer assédio ou bullying. Reunimos no post de hoje 7 tipos de fotos que você deve evitar colocar nas redes sociais. Talvez você ache que eu sou um pai paranóico, mas no mundo em que vivemos, com tanta maldade, todo cuidado é pouco. Vamos à lista!

1- Nudez: evite publicar fotografias que mostrem o corpo da criança nua, principalmente quando os órgãos genitais ou o bumbum estão aparecendo. Há um risco de a foto do seu filho ou filha ir parar em sites de pedofilia. Guarde fotos como essas para você. Se fizer questão de publicar, cubra as partes privadas da criança com tarjas ou alguma imagem.

2- Informações particulares: nunca faça upload de fotos nem escreva mensagens contendo o endereço da sua casa ou da escola dos seus filhos. Isso inclui fotos com o uniforme da escola. Nunca se sabe quem pode usar esses dados e colocar em risco a segurança dos pequenos.



3- Fotos constrangedoras: não publique fotos que podem deixar nossos filhos envergonhados. Não os exponha ao ridículo por alguma coisa que fizeram ou que aconteceu, isso pode abalar a auto-estima deles e, dependendo das proporções, causar depressão ou ansiedade na criança.

4- Fotos em grupo: Não publique imagens de seu filho com outras crianças, a menos que tenha autorização dos pais delas. Muitas pessoas preferem que as imagens de seus filhos fiquem fora da internet. Na dúvida, pergunte.

5- Fraqueza ou medo: Evite fotos que exponham quaisquer fraquezas ou medos que seu filho possa ter. Você pode achar bonitinho, mas os amigos da escola vão pegar no pé dele, mesmo que muitos anos depois. Lembre-se que as fotos antigas continuam sendo acessíveis muitos anos depois.

6- Doenças ou machucados: Esse item tem mais a ver com uma atitude ética. A criança pode não querer aparecer online quando está se sentindo mal ou doente. Você, quando está se sentindo doente, tira selfies e coloca online?

7- No penico: Além de as partes íntimas aparecerem, não é nada legal colocar uma foto de qualquer pessoa quando ela vai ao banheiro. Uma foto dessas pode viralizar ou ser acessada anos depois e trazer dores de cabeça para a criança mais para frente.

A regra de ouro é a seguinte: Antes de publicar a foto do seu filho, inverta a situação e imagine que é você aparecendo na foto naquela exata situação e a criança é quem vai publicar a sua imagem. Você gostaria que essa foto sua aparecesse na internet? Se não, não publique. Você vai ver que pensando dessa forma, o critério para escolher quais fotos publicar vai ficar muito mais claro.

As recomendações desse post são apenas sugestões de um pai levemente paranóico. Fique à vontade para escolher as fotos que publica – suas e da sua família! Ah, e todas as recomendações acima valem para vídeos também, ok?

Quer mais dicas de segurança? Leia nossas 10 dicas para seu filho não se tornar uma criança desaparecida.

Um abraço,
Papai Tagarela

2 comentários

  1. Aline comentou

    Parabéns e obrigado pelas dicas!
    Realmente nos dias de hoje devemos ficar muito atentos com o que postamos em relação aos nossos filhos!

  2. Realmente muito importante essas dicas. Tem pessoas que passam dos limites! Bjs

Deixe seu comentário!