Desmame – Carta da Mamãe Para o Seu Bebê

Desmame Carta da Mamae Para o Seu BebeDesmame – Carta da Mamãe Para o Seu Bebê
Rio de Janeiro, 22 de novembro de 2015.

Querido filho,
Hoje eu quis deixar registrado o meu muito OBRIGADA por esses 17 meses em que fomos um parte do outro a cada vez que pude amamentar você.
Obrigada por me permitir realizar o meu grande sonho! Obrigada por receber toda a minha dedicação incansável de amamentação.

Sabe, por você eu faria tudo de novo, choraria as mesmas primeiras lágrimas quando te amamentei pelas primeiras vezes e pensava que era uma dádiva ter você em meu colo. Choraria as lágrimas de dor de novo, aquelas quando o meu seio passou pela adaptação do colostro para o leite, ou do bico muito machucado. Doeu, filho! Doeu um bocado! Mas cada vez que te olhava, pensava: “ele merece qualquer sacrifício meu”.



Não tenha dúvidas que eu acordaria três, quatro, infinitas vezes nas madrugadas para te alimentar novamente, se fosse preciso, só para te ver dormindo no meu aconchego depois de estar com a barriguinha cheia.
Esses momentos me fizeram com que eu me sentisse única e especial! Afinal, eu era a sua ÚNICA fonte de alimento. E como você cresceu através do meu leite! Eu me sentia tão orgulhosa por ter conseguido e você foi um dos grandes responsáveis pelo nosso êxito nesta linda e árdua tarefa.

Era mágico ver o seu sorriso toda vez que eu te mostrava o meu seio e te dizia: “Filho, quer peitão??” e você como um pequeno esfomeado, se jogava em mim, louco pra mamar.
Foi com você que dei divertidas risadas, toda vez que minha concha de seio estava cheia e, por ter me esquecido disso, me abaixava e uma cachoeira escorria pela minha blusa.

Você me permitiu doar o excedente do seu leite durante 9 meses para tantos bebês que precisavam. E me mostrou que a gente deve ensinar a caridade para as crianças desde bebês.

Nunca me esquecerei das diferentes posições de amamentação que criamos e que você se divertia. Tampouco as vezes em que seus dentinhos nasceram e você, com toda a delicadeza, evitava me machucar.

E os carinhos que recebi enquanto você se esbaldava de tanto mamar?? Como eu vou sentir falta!! Eles me diziam que você estava muito grato. E eu peço a Deus para que nunca me esqueça do seu olhar risonho e feliz!
Mas hoje… hoje eu sinto que você não precisa mais do meu seio, você não o deseja mais. No fundo, eu queria continuar, porque continuar significa pra mim manter o nosso vínculo afetivo sempre MUITO visível a todos, já que neste momento somos você e eu, eu e você! E só nós dois nos bastamos! A verdade é que sei que mais uma página da nossa história foi escrita e agora caminhamos para uma novinha em folha.

Eu acho que depois que o médico cortou o seu cordão umbilical que nos uniu durante 40 semanas, o desmame é mais um novo marco de sua independência. E sabe, estou muito ORGULHOSA de você! Porque já não te vejo mais como um bebezinho! Você caminha rumo ao mundo que terá pra conquistar! Vai, filho! O mundo é todo seu!
E, se algum dia você tiver um irmão(ã), tentarei ter com ele/a o mesmo empenho que tive por você.

Por tudo isso, só posso te dizer MUUUUITO OBRIGADA!! MUIIITO mesmo!!
Com todo o meu carinho e amor,
Mamãe.

Foto: Adriel Booker

22 Comments:

  1. Que lindo! Me emocionou, lembrei de mim mesma, mas só consegui amamentar por 8 meses.

  2. Estou sofrendo tanto em desmamar, mas minha bebe já tem 1 ano e 7 meses e tem horas que é dificil amamentar, doí, ela quer fazer de chupeta. Queria continuar amamentando pelo carinho, por está ligação que fazemos uma com a outra. Não sei como fazer.

    • Thata Tagarela

      Priscilla, aqui nós apoiamos a amamentação até pelo menos 2 anos de idade. O desmame da Nana foi um desmame natural, quem deixou de procurar o peito foi o Theo. Bjs

      • Tenho medo de fazer ela adoecer. eu trabalho o dia todo e só tenho a noite pra curtir ela, e a amamentação parece que é nosso vinculo. Muita duvida, muita dor no coração.

  3. Nana Tagarela

    Priscilla, sabe o que eu acho? É realmente necessário realizar o desmame? Porque se não for, deixe que ela mesmo escolha o seu próprio momento. Deixe que a natureza aja e você terá menos preocupações. =D

  4. Muito difícil cortar esse segundo cordão, Lorenzo com 1 ano e 9 meses ainda quer mamar e eu não me sinto pronta para dar o próximo passe do desmame… 🙈😔

    • Nana Tagarela

      Minha opinião: então não desmame. Esse momento de “cortar o vínculo” tem que partir de um de vocês. Se o Lorenzo ainda quer, deixe-o mamar. Quando vocês estiverem preparados, parem. O indicado é que mame no mínimo até os 2 anos.

  5. Minha filha deixou de mamar aos nove meses, foi natural. Hoje ela está com um ano e meio, ainda sinto a falta de amamenta-la. No início doía muito, meus seios ficavam machucados nas duas primeiras semanas, eu não desisti, minha vontade de amamentar minha filha era tão grande! Eu consegui! Agradeço a Deus por ter me permitido a benção de gerar o alimento da minha Manu!

    • Nana Tagarela

      Só que amamentou sabe a dor e a alegria que é poder ter esta benção. É ambíguo! Mas é muuuito prazeroso, não é?

  6. Aline Alcarde

    Muito igual a minha história 😍 os melhores 17 meses da minha vida…o Caio decidiu o tempo do desmame, mas hj somos mais ligados 💓

    • Nana Tagarela

      Que bom quando a criança escolhe o momento dela, não é?
      As coisas se tornem mais naturais e sem sofrimento pra nenhuma das partes.
      Parabéns!

  7. Texto maravilhoso, o Ian está com 9 meses e eu trabalho o dia todo, então ele acorda a noite toda pra mamartem vezes que até 9 vezes por noite.
    Mas mesmo assim eu não me vejo ficando sem isso, a sensação de ter o que meu filho precisa, sentir seu corpinho junto ao meu vale qualquer sacrifício, ser mãe foi o melhor presente que papai do céu me deu!

    • Nana Tagarela

      Priscila, que lindo o seu relato. Emocionante! Ter essa experiência é muito incrível! Aproveite cada momento, porque um dia fará parte das melhores memórias da maternidade. Bjs.

  8. Vai completar 2 anos e agora? Dar mamá além de todas as maravilhas citadas, facilita muito na hora de fazer ela dormir, mas eu preciso viajar a trabalho e estou protelando isso ao máximo.
    Não quero deixar ela chorando de um lado e eu do outro… Alguma dica?

    • Nana Tagarela

      É difícil deixar a amamentação, mas com dois anos a criança já entende um pouco mais. Tente dizer que o peito da mamãe está dodói e que um outro dia ela pode mamar. Se vc desejar realizar o desmame total, converse com a pediatra ou nutricionista para passar um leite complementar nos casos que vc tenha de viajar. Bjs.

  9. Suelen Manduchi Nappo Araújo

    Amei ler essa história!!!
    Lembrei de quando eu amamentava o Gabriel, ele me olhava fixo, dava sorrisinho, brincava com meu bico rs
    Ele decidiu parar de mamar com 1 ano e meio. Por mim, continuaria amamentando, sinto falta dessa laço, do vínculo eu e ele.
    Na época eu trabalhava e fazia faculdade, foi difícil mas venci essa luta!
    Porém sinto muita falta de amamentá-lo.

    • Nana Tagarela

      Suelen, parabéns por ter conseguido durante tanto tempo mesmo com todas as dificuldades! Só quem passa pela luta que você travou, consegue valorizar o seu desprendimento.
      A gente sempre sentirá saudades desses momentos maravilhosos, não é mesmo?
      Bjs

  10. Amo amamentar minha bebê ela tá com 11 meses pensei em desmamar ela com 1 aninho mais isso foi antes de tela nos meus braços rs. Não sei quando ela vai querer desmamar ela ama mamar mais confesso que menos que era antes mãos é normal. Muita vezes cansada moída mais consegui amamentar feliz os carinhos durante e depois das mamadas é mágico. Amo muito minha filha mesmo que não seja fácil as vezes dolorido mais eu falo foi está sendo os momentos mais lindos da minha vida. Amamentar ato de amor é tudo de bom.

    • Nana Tagarela

      Parabéns, Pá Giorni.
      A gente acha que sabe tudo sobre ser mãe, antes de ser. Mas só descobre a maternidade na prática. O ato de amamentar é o maior treinamento para ser desprendida e buscar a felicidade ajudando o outro (que neste caso é a sua filhinha). Aproveite cada dia intensamente!

  11. Minha filha já tem dois anos e três meses! Eu amo amamentar ela, e ela não larga de geito nenhum.
    Não sei se tiro o se espero o momento dela. Não quero que nos duas sofra mas muita gente fica dizendo que já passou da hora! So meu esposo me apoia e acha lindo … ai fico dividida!😕😕

    • Nana Tagarela

      Beatriz, não há mal nenhum em amamentar depois dos 2 anos. Faça o que o seu coração mandar. Não se preocupe com os julgamentos, porque sempre haverá quem tenha o pitaco para qualquer assunto.
      No momento certo, você pode ir conversando com a sua filha de que ela não precisa mais e que vocês podem parar a amamentação (quando as duas estiverem preparadas).
      Bjs.

Dê a sua opinião: