É Importante Deixar o Bebê de Bruços (Tummy Time)

e Importante Deixar o Bebe de BrucosVocê deixa o seu bebê de barriga para baixo alguns minutos por dia? Não? Então saiba que fazer isso é muito importante para evolução motora do seu bebê. Em inglês esse tipo de estimulação se chama “tummy time”, que significa “hora de ficar de bruços”, ou seja deixar o bebê de barriga para baixo. Deixe o seu bebê de barriga para baixo por alguns minutos por dia, fazendo isso várias vezes ao dia. Claro que se o bebê se irritar você pode tirá-lo dessa posição e voltando a colocá-lo mais tarde quando ele estiver mais calmo.

Por quê deixar o bebê de barriga para baixo (tummy time)?
Colocar o bebê de bruços é importante para que ele desenvolva os músculos do pescoço e das costas, que vão ser essenciais para que ele sente, engatinhe e caminhe no futuro.

Quando o bebê estiver acordado, é indispensável que o deixe na posição de bruços alguns minutos por dia.



Lembre-se que a criança aprende a controlar seu corpo de cima para baixo: a tonificação acontece primeiro no seu pescoço, depois o tronco, em seguida no seu quadril e, finalmente, nas suas pernas.

O que acontece quando o bebê fica nesta posição?
Ele sente necessidade de levantar o pescoço para olhar ao redor, apoiando os antebraços primeiro, depois as palmas das mãos e, em seguida, ele pode agarrar objetos. Claro que todo esse passo a passo leva meses de treinamento de bruços.

Em seguida ele se apoia em sua barriga e finalmente, o bebê fica na posição 4 apoios para poder engatinhar.

Se deixar o bebê deitado somente de costas essa evolução não vai acontecer.

Todo esse processo vai fornecer condições para que o bebê consiga se locomover no futuro.

Quando começar a colocar o bebê de bruços?
Comece com poucos minutos de cada vez, permitindo que seu bebê se acostume com a nova posição. Alguns pais começam a colocar cerca de um minuto quando bebê tem 1 ou 2 meses de vida. Nessa idade os bebês podem segurar a cabeça para cima por um tempo curto. Com 3 ou 4 meses de vida, os músculos do pescoço, ombros e tronco estão mais fortes, então já dá para deixar por mais tempo: 5 a 10 minutos por vez. Conforme o controle do pescoço e da parte superior melhorar, aumente gradualmente os minutos que você deixa o seu bebê de bruços.

Algumas dicas para fazer o tummy time:
Escolha um lugar em sua casa onde o bebê possa ficar confortável e seguro. Sua cama não é uma boa escolha, porque é macia demais e não vai funcionar tão bem como no chão. Melhor tentar cobrir o chão com um tapete EVA ou algo macio.

Coloque o bebê de barriga para baixo mas sempre fique junto observando o bebê. Observe o seu corpo. Note se ambos os lados do corpo estão suportando o peso de forma igual, se o alinhamento do bebê está igual dos dois lados na mesma altura. Arrume a posição do bebê se for preciso.

Coloque um espelho no chão, em frente ao bebê, para motivar. Serve colocar brinquedinhos também.

Fique de olho na linguagem corporal do bebê. Se você perceber que ele está desconfortável, mude-o de posição.

Mude a posição do bebê de vez em quando, o colocando de lado, depois do outro lado, de barriga para cima e volte para a posição de bruços.

Evite ficar por muito tempo nessa posição porque pode ser desconfortável para ele.

E se o bebê não gostar?
Comece lentamente: ele tolera ficar 30 segundos? Então comece com 30 segundos, depois vá para 45 segundos e vá aumentando gradualmente o tempo.

Um opção é colocá-lo em cima da sua barriga, cara a cara com a mamãe ou com o papai. Dessa forma o bebê vai curtir mais. Mas não esqueça de o segurar o tempo todo se estiver em cima de você porque não é tão firme e seguro quanto no chão.

Como já disse antes, ofereça brinquedos ou um espelho para entretê-lo.

Um bebê que tem refluxo muito provavelmente não vai gostar desta posição.

Evite colocar nessa posição depois de comer ou mamar, principalmente nos casos de refluxo.

É normal que nas primeiras vezes nesta posição o bebê chore, mas isso acontece porque o bebê sente a gravidade o puxando para baixo e não porque dói. Se o seu choro durar por alguns minutos ou chorar demais, o melhor é tirar dessa posição e conversar sobre esse acontecimento com o pediatra.

Fontes
Aprendendo a Ser Padres
Baby Begin
Fisher Price

Dê a sua opinião: