O Seu Filho Acredita em Papai Noel?

seu filho acredita em papai noelOi mamães e papais, hoje eu venho trazer aqui uma pergunta e uma reflexão para vocês. Me falem uma coisa, como vocês fazem na casa de vocês? As crianças acreditam em Papai Noel? Até que idade vocês acham ideal deixar que as crianças acreditem no “bom velhinho”?

Esse texto é mais uma pergunta mesmo, uma curiosidade, um tema que ainda não temos certeza de como fazer. Porém já conversamos sobre o assunto aqui e por enquanto vamos fazer de um jeito que pensamos ser o melhor para a nossa família. Vou contar um pouco para vocês.

Eu sempre fui uma criança um pouco diferente das outras. Cresci cercada de meninos e curtia brincar com eles, eu amava filmes de terror (tinha que assistir todos sozinha porque ninguém da minha idade topava ver comigo) e não acreditava em Papai Noel. Quer dizer, meus pais todo Natal tentavam me convencer que Papai Noel existia e blablabla. Mas eu sempre achei tudo muito estranho. Na minha cabeça se passavam coisas do tipo “como um idoso tem dinheiro para dar presente para tanta criança?” e também “por que as crianças pobres não ganham o mesmo presente que eu ganho?”.



E quando meus pais tentavam me convencer eu me sentia enganada, traída. E ainda criança eu jurei que não deixaria os meus filhos acreditarem nessa mentira…

Acho que desde criança eu sempre fui muito pé no chão em relação a muitas coisas. Não estou dizendo que acho isso certo. Muito pelo contrário. Me tornei adulta e mãe. E conversando com o Papai Tagarela, que é psicólogo, ele me disse que o Papai Noel faz parte do mundo imaginário das crianças e que deixar a imaginação delas fluir é bom! Faz parte da infância, faz parte de um mundo mágico do qual somos arrancados quando crescemos.

Por esse motivo resolvemos deixar Pititico e Pititica acreditarem em Papai Noel até quando eles quiserem. Se um dia perguntarem para nós sobre a verdade, falaremos. Continuo sendo da opinião de que não vou enganar os meus filhos, não vou mentir. Mas ao caminharem pela rua em época de Natal eles vão naturalmente acreditar em Papai Noel. Só que isso não vai partir de mim, porém não vou ser eu a estragar o mundo mágico deles hehehe Entenderam?

Claro que aqui até seguimos alguns preceitos católicos mas não somos religiosos, então não somos muito apegados à idéia da figura de um idoso vestido de vermelho distribuindo presentes. Se bem que, convenhamos, essa figura representa muito mais o capitalismo do que a religião.

E aí na sua casa, como funciona? Compartilha comigo a sua experiência? Como vocês vão fazer em relação a esse assunto?

Beijos, Thata

Foto:
Pop Sugar

3 Comments:

  1. Oii….aqui em casa tenho uma de 8 anos que ainda acredita em Papai Noel. Acreditei até meus 11 anos pois meu pai trabalhava em uma empresa que oferecia presentes aos filhos dos funcionários. Então minha mãe sempre deixava em cima da minha cama um embrulho com etiqueta e tudo e eu achava impossível ter sido minha mãe a comprar aquele presente que vinha diretamente com meu nome impresso. Por isso a magia em casa sempre funcionou. Quando soube que era meu pai quem ganhava os presentes que eu recebia todo ano em cima da cama, fiquei bem triste (isso porque já tinha mais de 11 anos kkk). Quero dizer com isso que adoro a magia do Natal e por isso, desde que minha filha nasceu faço questão de que ela acredite que o Papai Noel passe em casa todas as noites de 24 de Dezembro e deixe um lindo presente em nossa árvore. Ela escreve uma carta todos os anos ao papai noel e indica dois ou três presentes que gostaria de ganhar. Deixa na árvore. Normalmente no começo de Dezembro, papai Noel no meio da noite “pega” sua carta (esse ano deixou uma pra ela tbém, precisavam ver a felicidade dela). Na noite de Natal (como sempre passamos na casa da minha mãe, vó ou outro parente) eu, antes de sair de casa e sem que ela perceba, coloco o presente na árvore. Quando dá meia noite essa menina fica louca pra voltar pra casa e ver se o papai noel passou em casa para deixar seu presente. Outro dia ela me disse que as amigas da escola zombam dela por ela acreditar no papai noel. Quando me disse isso, eu carinhosamente expliquei que o papai noel só passa na casa daqueles que realmente acreditam nele. E que ele é uma magia, ele é como Deus que acreditamos sem ver. Minha filha é um doce e tem verdadeiramente a ingenuidade e a simplicidade que toda criança deveria ter. Acho muito importante que os pais cultivem isso nas crianças. Sabe, não acho que estou “mentindo” pra ela e sim fazendo com que ela tenha esperança e crença em valores que já não se encontram em muitas crianças “modernas” de hoje. Por mim ela acreditaria em papai noel pelo resto da vida. Acho que nossa vida é meio assim. Sempre temos que acreditar em algo mágico que nos motive a sermos melhores e fazermos o bem. Beijos.

  2. Eu deixei minha filha acreditar até quando ela quisesse aí um dia ela falou q queria q o papai noel desse um celular p ela aí eu falei q o papai noel ñ fabrica celulares e só fabrica brinquedos e falei q íamos comprar e q o papai noel não ia dar presente esse ano ela ficou triste mas depois ficou bem

Dê a sua opinião: