Querida Pessoa que Quer Me Visitar (do Recém Nascido)

Querida Pessoa que Quer Me Visitar do Recem NascidoQuerida pessoa que quer me visitar, eu sou um bebezinho muito pequenino, sou um recém nascido e não tenho ainda nem um mês de vida. Na verdade, eu ainda nem descobri que estou fora do útero da minha mamãe.

Falando na minha mamãe, na verdade tudo é muito novo para ela, pois ela ainda está aprendendo a lidar comigo. Ela ainda está me conhecendo, é como se estivéssemos na nossa lua de mel (na verdade chamam de lua de leite, mas é a mesma coisa). Eu gostaria que você, querida pessoa, entendesse que todo o seu carinho é muito apreciado mas que nós dois precisamos desse tempo juntos e é muito importante para nós dois. Por isso eu peço para que deixe para me visitar depois de eu ter completado 1 mês.

Esse meu primeiro mês de vida é muito importante para mim e para a minha mamãe. Nos conhecer significa que eu ainda estou aprendendo a mamar no seio da minha mãe e isso as vezes pode ser difícil e cansativo para ela. Eu também não entendo muito dos horários que vocês estabelecem para rotina, então a mamãe pode ter passado a madrugada toda acordada comigo. E outro dia eu tive tanta dorzinha na barriga que chorei demais e a minha mamãe ficou muito preocupada e parece que essa dorzinha vai nos seguir até o meu terceiro mês de vida. Ela me ama muito e quer muito o meu bem, acho que é por isso que ficou tão preocupada comigo. Isso tudo significa que durante o dia ela ainda pode estar de camisola, sem ter comido nada, sem ter tomado um banho e talvez até mesmo esteja dormindo na hora que você aparecer.



Aliás querida amiga ou querida pessoa da família, eu também gostaria de te contar o quanto a minha mãe fica sem jeito quando você aparece sem avisar. Muitas vezes ela pode ter finalmente me feito adormecer e está conseguindo comer alguma coisa, ou pode ser bem naquele momento que conseguiu fazer com que eu pegasse e sugasse o seio dela, ou pode ser bem no meio do banho que ela conseguiu tomar, com todo o custo. Então por mais que você esteja vindo com boas intenções, porque quer me conhecer e ama a mim e a minha mamãe, avise antes de aparecer por aqui.

Mas mesmo tendo telefonado para avisar e a minha mamãe tendo falado que você pode vir, eu peço com todo amor e carinho que me faça uma visita bem curta para não ficar cansativo para os meus pais. Também não espere que seja servida alguma comida, bebida ou lanche, pois a mamãe não teve tempo ainda nem de comer algo ela mesma. Mais uma coisa que eu gostaria de pedir é para não me pegar no colo. No momento o colo da minha mamãe é o único que me agrada e ficar passando de mão em mão não é bom para mim. Ah e não esqueça de não aparecer aqui se tiver gripada ou com qualquer doença contagiosa, pois a minha imunidade é muito baixa, eu acabei de vir ao mundo e não tenho defesa nenhuma, não tenho vacina nenhuma e poucos anticorpos e qualquer vírus ou bactéria podem ser letais para mim. Mas mesmo estando com boa saúde, lave as mãos assim que chegar e passe álcool gel, mesmo não me pegando no colo. Tudo isso para prevenir que eu pegue qualquer coisa que tenha vindo da rua.

Eu não sei se você se lembra ou se ainda não passou por isso, mas ter uma pessoa tão pequenina e dependente como eu em casa não é fácil. Com o tempo eu vou estar maiorzinho e as coisas vão ficar mais fáceis para a minha mamãe e o meu papai. Aí você pode vir e me ver a vontade, me pegar no colo, brincar comigo. Eu vou amar!!!

Para finalizar eu quero dizer que eu, a mamãe e o papai gostamos muito de você e que o seu carinho sempre será muito bem vindo, mas por favor, espere um tempo antes de vir nos visitar.

Com amor,
do bebê que acabou de nascer.

Foto:
Justina Gibson

 

4 Comments:

  1. As pessoas não respeitam os recém nascido e a mãe, isso é a mais pura verdade. Aparecem no momento que lhes convém, às vezes sem prévio aviso e algumas não gostam de ter que levar as mãos, é sempre fazem questão de pegar o bebê no colo… Li artigos a respeito antes do nascimento do meu bebê, hoje com 20 dias, e achava sempre um exagero os textos sobre as visitas, mas infelizmente informo que tudo se confirma… Lamentável a falta de sensibilidade dar pessoas, sempre muito bem intencionadas, mas sem noção…

  2. Vinicius Gonçalves

    Li agora algumas pastagens e estou gostando do conteúdo. Muito válido. Apenas uma sugestão. Em outra pastagem sobre a mãe no aeroporto, vc termina o post perguntando cadê o pai e que ele precisa participar. Nessa aqui o indivíduo nem é lembrado. O colo é da mãe, quem está se adaptando é a mãe, quem não tem condição de servir um suco pra visita é a mãe. Pergunto: cadê o pai nesse momento? Rsrs
    Assinado: um pai participativo que compartilha da sua postagem e do puerpério tb

    • Thata Tagarela

      Tá certo Vinicius. Tenho que lembrar disso mais vezes. Obrigada pela critica construtiva.

      • O celular “corrigiu” a palavra “postagens” e escreveu errado. Um mala rsrs
        Grato também pela receptividade. Hoje em dia a gente fica sempre com um pé atrás antes de dar qualquer contribuição pra não entrar em contendas virtuais.
        Ganhou um seguidor na página! Abraço tagarela! 😀

Dê a sua opinião: