Hérnia Umbilical em Bebês e Crianças

bebe com hernia um bilical hernia de umbigoOi mamães, existem vários tipos de hérnias em crianças e bebês, mas hoje vou falar apenas da hérnia umbilical (hérnia na região do umbigo).

A hérnia é uma saliência de um tecido ou um órgão que está fora do lugar. Nos bebês as mais comuns são a inguinal (na virilha), na região genital e a umbilical.

As hérnias umbilicais são as mais comuns e é o caso do meu filho. De 10 a 20% das crianças têm hérnia umbilical.

No caso do Eric a saliência do umbigo é pequena, mas existem casos em que a hérnia fica do tamanho de um limão.

Também é normal reparar que a hérnia no umbigo incha quando o seu filho faz força para fazer cocô ou quando chora. Isso acontece por causa da pressão intra-abdonimal. Não precisa se assustar, é normal.

 



E como saber se preciso submeter o meu filho a cirurgia?

No casos das hérnias umbilicais, elas geralmente não são um problema, mesmo esses casos de hérnias maiores. Se não houver dor nem incômodo para a criança a cirurgia será meramente estética. Se a região não estiver nem sensível nem inchada e a hérnia for mole, está tudo bem.

Caso você note um inchaço na região, mudança de cor e sensibilidade local, principalmente junto com vômitos ou com dor, leve no pronto socorro. Provavelmente seu filho precisará fazer cirurgia com urgência, pois nesse caso o fluxo de sangue está interrompido.

Se o seu filho parecer desconfortável com a hérnia, converse com o pediatra sobre o assunto. Talvez valha a pena fazer a cirurgia já que é um probebes e crianças com hernia umbilical hernia de umbigocedimento simples em que a criança não chega nem a dormir no hospital.

Faça um teste: empurre a hérnia com o dedo. Se o umbigo entrar, ou seja, se a hérnia for mole, não tem problema. Mas se não entrar, for uma região dura que não dê para empurrar para dentro da barriga, aí pode ser que a alça do intestino esteja presa, procure o pediatra do seu filho para relatar isso.

Na maioria dos casos as hérnias vão embora sozinhas quando a criança estiver com 2 ou 3 anos. Algumas ainda se fecham antes dos 5 anos. O que acontece é que os músculos na região vão ficando mais durinhos e conseguem conter a hérnia. Enquanto o seu filho tiver aquela barriguinha de bebê a hérnia se fará presente, depois disso ela desaparece. Se não desaparecer, converse com o pediatra sobre a cirurgia. Mas vale a pena esperar até que ele complete o seu terceiro ano para evitar que a criança passe por uma cirurgia sem necessidade.

Resolvi pesquisar sobre o assunto porque fiquei preocupada pensando se o pititico precisaria de cirurgia e já que iremos ao Brasil em breve, talvez fosse o momento de resolver isso. Mas pelo visto não é.

hernia umbilical quando ocorre

É mito!

Não adianta em nada enfaixar o umbigo da criança ou colocar uma moeda para que a hérnia volte ou para evitar que ela apareça, poupe o seu filho desse sofrimento e sejam felizes. A hérnia se forma quando o bebê ainda está no útero e só vai se resolver com o endurecimento da parede abdominal, é um problema de dentro para fora. Conforme a criança engatinhar, andar e começar a correr pela casa o abdômen vai enrijecendo e a hérnica ficando menor.

 

Fontes:
Baby Center
Cirurgia Pediátrica

2 Comments:

  1. Oi. Minha filha esta com uma hernia igual a da foto (bem bolotinha). Gostaria de saber se ela vai diminuindo com o tempo. Estou preocupada com a estetica pois sei q ela nao esta sofrendo. O umbigo é bem molinho e o dedo entra.
    E seu filho como esta?
    Obrigada

    • Thata Tagarela

      Michelle, essa bolinha só sai se operar. O meu filho tem a bolinha até hoje, mas não dói também. Eu não me importo com a estética disso, se um dia ele se importar eu opero. O ideal é você procurar um médico para perguntar sobre a cirurgia. Acredito ser algo bem simples. Um bj

Dê a sua opinião: