Sexo na Gravidez

sexo na gravidezSexo na Gravidez é tabu mas precisamos conversar sobre o assunto porque casais fazem sexo e pasmem, é assim que os bebês são feitos.

Algumas pessoas não gostam nem de pensar em fazer sexo durante a gravidez porque na cabeça de uns a mulher grávida se torna um santuário que ninguém pode encostar, mas isso está errado e como muita gente tem até vergonha de perguntar para o seu médico ginecologista-obstetra, eu vou contar para vocês todas as informações que eu tenho a respeito do assunto.

Durante a minha gravidez eu conversei bastante com a minha médica, mesmo porque eu tive sangramento no início da gestação e eu precisava saber o quanto seria seguro fazer sexo com o meu marido.



Primeiro de tudo você grávida, precisa se cuidar, isso significa se alimentar bem, fazer exercícios se possível e indicado, fazer o pré-natal direitinho e todos os exames.

Se tudo estiver correndo bem e você não tiver nenhuma contraindicação, como eu tive, para fazer sexo durante a gravidez, não há com o que se preocupar. A sua saúde estando perfeita, se você não tem sangramento, se você não tem infecção urinária, nem placenta descolada, não existe nenhum motivo para não fazer sexo com o seu parceiro. A não ser que você não queira mesmo.

É normal que a mulher grávida, principalmente no final da gestação, sinta um certo incômodo em algumas posições, nesse caso é só mudar de posição. Procure sempre alguma posição que te deixe confortável. Isso é muito importante.

O sexo durante a gestação é importante para manter um relacionamento saudável com o parceiro, estreitando laços. Além de ser ótimo para relaxar, já que produz endorfina. Já que estamos falando de produção de hormônio, produz também ocitocina que é o hormônio do amor, esse hormônio é excelente para o bebê em todos os sentidos. E no final da gestação o esperma do homem ajuda a mulher a entrar em trabalho de parto.

Uma dúvida muito comum que eu vejo grávidas perguntando nos grupos de mães, é se durante penetração o pênis pode machucar o bebê ou provocar aborto. Na minha primeira gravidez eu perguntei para a minha médica e ela me disse que seria impossível, pois o feto fica no útero da mãe e ali está protegido por uma bolsa com água. Além disso o colo do útero fica fechado durante toda gravidez.

Então se você não tiver nenhum problema de saúde durante a gestação que impeça de ter relações sexuais, pode namorar sem medo. Se mesmo depois de ler esse texto você ainda tiver medo de fazer sexo com o seu parceiro, converse com a/o seu médico ginecologista-obstetra, pergunte tudo que quiser sem medo. Um profissional qualificado vai responder as suas dúvidas com seriedade.

Não esqueça também de conversar sempre com o seu parceiro, de falar o que você está sentindo, dos seus medos, das suas dúvidas, das suas angústias. Juntos vocês enfrentam melhor esse medo de fazer sexo durante a gravidez.

O ginecologista e obstetra José Bento deu uma entrevista para O Globo onde ele diz o seguinte: “o feto, na barriga da mãe, consegue sentir efeitos positivos da prática do sexo, mas não entende muito bem o que está ocorrendo. Por isso, não há nenhuma necessidade de se preocupar com um possível “trauma” para a criança antes de nascer. “Ele não tem percepção do que acontece, mas se sente muito bem”.

Depois de se informar sobre o assunto, do médico dizer que está tudo bem, de conversar com o seu parceiro, comece devagar, respeite os limites do seu corpo. Você não precisa ir até o fim para agradar ninguém. Se quiser ficar só nos beijos e abraços, fique. Mas se deixe levar e avance conforme o seu ritmo. Faça o que te der prazer e o que te dizer feliz.

Fonte:
Globo.com
Foto – Mulher Com Saúde

Dê a sua opinião: